Colégio São Judas desperta a sua vocação

Compartilhe:

Vocação

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dentro ou fora do currículo, a escola oferece um cardápio de atividades que têm como objetivo aproximar o aluno de sua própria vocação

Dona Alzira Altenfelder Silva Mesquita, quando fundou o Colégio São Judas Tadeu, escola na Mooca entre as mais tradicionais de São Paulo, tinha clara que sua missão era despertar a vocação das pessoas. É por isso que todos os projetos institucionais e pedagógicos desenvolvidos na escola são sempre possibilidades para que os estudantes experimentem caminhos que um dia possam querer seguir. “Nossa missão não é um discurso, e sim uma vivência!”, afirma o diretor administrativo Ivan Galvão Bueno Trigueirinho. “Inclusive, está na nossa proposta pedagógica.” 

Para garantir que esse resultado seja atingido, o São Judas incorporou à sua matriz curricular a disciplina “Empreendedorismo”, do Ensino Fundamental II à 1ª série do Ensino Médio. Também faz parte das opções de atividades extracurriculares o Projeto Profissões, destinado ao 9º ano do Ensino Fundamental ao Ensino Médio, que apresenta aos estudantes o que as inovações tecnológicas, organizacionais e de mercado têm provocado profundas transformações no mundo do trabalho.

Quer entender o que o mercado espera dos profissionais da nova geração, baixe nosso e-book.

“Diversas profissões com seus conteúdos inovadores estão sendo criadas, enquanto outras estão desaparecendo”, explica o diretor José Ribeiro Filho. “Por isso, para acompanhar o ritmo das mudanças e as transformações estruturais nas relações de trabalho, falamos de empreendedorismo, carreiras, empregos, processos seletivos, cursos de graduação e tecnólogos, testes vocacionais etc.”

No projeto Agora É a Minha Vez, também extracurricular, o objetivo é desenvolver nos participantes a capacidade de fazer escolhas para as próprias vidas. Os estudantes da 2ª e da 3ª série do Ensino Médio participam de uma aula sobre atualidades, como política, economia, cultura, lazer, entretenimento, esportes… Com isso, também são preparados para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e para os vestibulares. “Os encontros começam com uma aula expositiva e, depois, estimula-se a participação de todos”, conta o diretor.

Mais perto da própria vocação

Para dar conta do que se aprende na escola e a vida profissional, todos os anos, o CSJT realiza o Fórum de Orientação Profissional, que já está na sua 22ª edição. Trata-se de outra ação importante da escola para ajudar o estudante a descobrir sua real vocação. A ideia é colocar os estudantes em contato com uma futura profissão por meio de palestras com profissionais que atuam no mercado. Em geral, o evento dura uma semana e participam todos os alunos do Ensino Médio.

Outra investida recente do São Judas foi criar um espaço exclusivo para quem quiser se aventurar no mundo dos vídeos. Trata-se de um pequeno estúdio para gravação e edição com apoio de um profissional, que deve orientar os alunos de como utilizar computador, câmera, microfone e iluminação. Por que não apresentar um trabalho usando as ferramentas de comunicação?

A meta é desenvolver a competência da comunicação, tão importante para a vida pessoal e profissional de alguém, além de disponibilizar as ferramentas de interação que estão à disposição do usuário, como criar e compartilhar documentos, fazer pesquisas, formatar trabalhos etc. A ideia é tornar a aprendizagem ainda mais significativa. “É um método inovador de ensino que disponibiliza a tecnologia aos alunos para que eles explorem um mundo de infinitas possibilidades”, defende Ribeiro.

matriculas 2018 Colégio São JudasAlém disso, o diretor também leva em consideração os desejos pessoais de cada um dos alunos, sempre problematizando: “O que mais gosta de fazer? Acredita que poderia trabalhar nessa área? Qual o assunto que prefere conversar? Mesmo com dificuldade, acredita que possa exercer a profissão pesquisada. Quem considera o seu maior exemplo de vida? Qual hábito gostaria de mudar?… Esses questionamentos vão ajudando o adolescente a refletir sobre quais caminhos escolher”.

Compartilhe:

Comentários da Matéria

0 comentários

Deixe o seu comentário: