Qual a importância do Linkedin para um aluno do Ensino Médio?

Linkedin para alunos do Ensino Médio

Linkedin para alunos do Ensino Médio

Inicialmente conhecido como um site para recolocação profissional, o Linkedin agregou inúmeras funcionalidades, adquiriu novas tecnologias e trabalhou seu reposicionamento para se tornar a maior plataforma de relacionamento profissional do mundo! Mas, qual a importância do Linkedin para alunos do Ensino Médio?

Uma Rede Social totalmente Profissional

O Linkedin é sim uma Rede Social, mas, o conteúdo e relacionamento oferecido por ela é bem diferente de algumas Redes Sociais que geram preocupação para pais e responsáveis, bem como de professores e coordenadores educacionais.

Pautada exclusivamente pelo relacionamento profissional, congrega usuários de diferentes formações, cargos e ocupações, atuando em praticamente todos os segmentos de mercado. Hoje são mais de 530 Milhões de usuários em todo o mundo, estando o Brasil em quarto lugar no ranking de usuários com mais de 30 Milhões de usuários (atrás de EUA, Índia e China).

Mesmo a linguagem utilizada por todos estes usuários é diferenciada. Erros de Língua Portuguesa ou informalidade exagerada não fazem parte da comunicação esperada para um usuário de Linkedin. O contato deste ambiente pelos nossos adolescentes tem muito a acrescentar exigindo deles uma postura mais adulta.

Com mais de 3 Milhões de empresas cadastradas e com a presença garantida das maiores corporações mundiais, o Linkedin é uma Rede Social importante para quem quer se manter atualizado com os movimentos de empresas onde desejaria trabalhar ou corporações sobre as quais tem-se interesse pelo conteúdo. É neste ponto que o Linkedin se une a outra iniciativa, o OPEE.

Observação: Estes são números atualizados até o primeiro semestre de 2017.

OPEE e o Linkedin!

Recentemente publicamos no Blog do Colégio São Judas artigo sobre o OPEE (Orientação Profissional, Empreendedorismo e Empregabilidade) método de estruturado para dar assistência à crianças e adolescentes sobre o entendimento da sua vocação, habilidades naturais e possibilidades do desenvolvimento destas no ambiente profissional.

Nos dias de hoje, a melhor forma de se destacar no Linkedin é realizando publicação consistente de conteúdo que, gera autoridade para o profissional que o elabora, bem como para a empresa que o divulga. Assim, esta Rede Social passou a ser fonte importante de conhecimento profissional e empresarial.

No contexto de aplicação da OPEE, uma das práticas é apresentar profissões que possam ser interessantes para o aluno, assim, encontrar também empresas e profissionais que sejam referência na área de interesse e ter acesso a conteúdos de qualidade podem ser uma ferramenta importante para o aluno.

Uma questão importante

De acordo com o Contrato de Usuários do Linkedin, mais especificamente no item 2.1, a idade mínima para a criação de um perfil de usuário nesta rede é de 16 anos. Esta idade coincide com a idade de alunos presentes no Ensino Médio, assim, as orientações para criação dos perfis pode ser feita por pais, responsáveis ou mesmo pelos professores.

Dicas para o perfil de Linkedin para um Aluno do Ensino Médio

Vamos trazer aqui algumas dicas e orientações para você aluno de Ensino Médio que quer elaborar seu perfil para o Linkedin:

  • Imagens – Você vai precisar de uma imagem 500×500 para seu perfil e de uma imagem de 1500×500 para a sua página. A foto de perfil deve ser discreta, sorrisos são bem aceitos, mas nada de biquinhos, gestos obscenos, nem fotos de festas ou baladas, ok? A imagem de página pode ser referente à área de conhecimento na qual você quer se desenvolver, por exemplo;
  • Descrições e resumos – Se você ainda não iniciou a carreira profissional, não tem problema, você pode começar no Linkedin:
    • Descreva seu curso, de quais matérias é mais amigo e seus principais trabalhos nela;
    • Fale também das suas atividades de OPEE que desenvolve e trabalhos apresentados, principalmente se você é aluno do Colégio São Judas, Escola que desenvolve estas atividades;
    • Se desenvolve atividades voluntárias, não se esqueça de colocá-las no seu perfil, isso poderá lhe ajudar muito;
    • Sobre a sua Descrição, se apresente como aluno do Ensino Médio e complemente com uma frase chamando atenção sobre sua principal habilidade;
  • Instituições de Ensino – Insira informações sobre a Instituição de Ensino onde estuda e forme um pequeno texto para falar mais sobre ela. Isso ajuda você e a Escola onde está estudando;
  • Se já está trabalhando – Insira também a empresa onde trabalha e faça uma boa descrição das suas atribuições. Este é o início das informações profissionais da sua carreira e podem servir como base para entender a sua evolução;
  • Conecte-se a empresas que gostaria de conhecer mais – Busque as Company Pages (páginas de empresas) das corporações que ache interessante e clique em “Seguir” (como na imagem). Assim, as atualizações desta empresa aparecerão na sua timeline;
  • Conecte-se a profissionais referência – Se identificou um mercado no qual gostaria de trabalhar, busque os profissionais que mais se destacam e também siga-os. Você não precisa necessariamente se conectar a eles, mas seguir fará com que seus conteúdos sejam apresentados para você (conforme imagem).
Linkedin para alunos do Ensino Médio

Company Page da Tesla, empresa automotiva e de armazenamento de energia

Linkedin para alunos do Ensino Médio

Página do economista e influenciador Ricardo Amorim

 

 

 

 

 

 

 

Este é um bom começo

Se as Redes Sociais fazematriculas 2018 Colégio São Judasm parte das nossas vidas e das vidas dos nossos adolescentes, porque não apresentar uma que os ajude a trabalhar seu posicionamento profissional desde cedo? Este é o objetivo de promover a entrada dos jovens no Linkedin e mostrar para eles um conteúdo diferenciado para a sua vida.

Este é mais um Post Blog do Colégio São Judas, demonstrando o nosso compromisso contínuo em construir, a cada dia, cidadãos mais felizes e preparados para um mundo cada vez mais dinâmico.

Posts Relacionados:

Como ensinar seu filho a desenvolver a visão crítica? Confira dicas
Professor do Ensino Médio, qual seu papel além da educação?
Notícias do CSJT!
Dicas para ajudar seu filho a não perder o ano letivo

Comentários da Matéria

0 comentários

Deixe o seu comentário: